quinta-feira, 23 de abril de 2015

Sindicato dos Jornalistas do DF realiza um dia de atividades culturais e de acupuntura para concluir a Campanha de Sindicalização 2015

BRASÍLIA, 23 DE ABRIL DE 2015 – O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Distrito Federal(SJPDF), localizado no Setor Gráfico (SIG), Quadra 2, Lotes 420/440, Edifício City Offices, Cobertura, promove, neste sábado 25 o Sindicato Aberto, um dia de atividades culturais e em acupuntura, para marcar o fim da Campanha de Sindicalização 2015 e com o objetivo de incentivar a categoria a conhecer a sede do SJPDF e o trabalho desenvolvido pela entidade.

Durante o dia, os jornalistas poderão realizar consultas jurídicas, se sindicalizar, fazer a carteira da Federação Nacional dosJornalistas (Fenaj) e tratar-se em acupuntura e massagens terapêuticas com professores e alunos da Escola Nacional de Acupuntura (Enac), além de exposição e autógrafos de livros de jornalistas e apresentações musicais. Os jornalistas contarão ainda com uma roda de conversa sobre qualidade de vida, a partir das 14h30, com participação do diretor da Enac, professor Ricardo Antunes.

O atendimento em acupuntura, auriculoterapia e massagens terapêuticas ocorrerá das 11 às 13 horas e das 14h30 às 17 horas. Outro destaque da agenda do Sindicato Aberto é a feira dos jornalistas. Nela, os profissionais terão espaço para expor produtos como: itens de alimentação, vestuário, saúde, música, entre outros. Um Happy Hour com música e cerveja fechará a programação do dia.

CONVÊNIO ENTRE O SJPDF E A ENAC – O SJPDF e a Enac assinarem convênio, dia 24 de fevereiro passado, para atendimento dos jornalistas sindicalizados, funcionários do sindicato e seus dependentes legais, no ambulatório da Enac, na 404 Sul, Bloco A, Loja 33, em acupuntura, auriculoterapia, massagens e técnicas coadjuvantes, com desconto de 25% sobre a tabela dos serviços. Assim, como a sessão custa R$ 55 e o pacote com dez sessões, à vista, R$ 500, para os associados ao SJPDF cai para R$ 41,25, arredondado para R$ 40, e R$ 375, respectivamente. A forma de pagamento é com dinheiro ou cheque.

Para o atendimento, os jornalistas sindicalizados serão encaminhados ao ambulatório da Enac pelo SJPDF. O ambulatório atende de segunda a sexta-feira, das 14 às 17 horas. Às segundas, quartas, sextas e sábados, das 9 às 11 horas; e as terças e quintas, das 19 horas às 20h30. Mais informações serão obtidas pelo telefone: (55-61) 3322-4998 ou pelo e-mail: enacdf@gmail.com

A Enac é credenciada pela Secretaria de Educação do DF e reconhecida nacionalmente pelo Ministério da Educação (MEC), nos moldes da Organização Mundial de Saúde.

MEDICINA TRADICIONAL CHINESA – De ampla cobertura e eficácia terapêutica, a Medicina Tradicional Chinesa é reconhecida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e foi incluída na lista de Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade, durante a V Sessão do Comitê Intergovernamental da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), em 17 de novembro de 2010.

Os pilares da MTC começaram a ser erguidos a pelo menos 5 mil anos, na China. Os chineses descobriram que além dos sistemas cardiovascular e linfático, há uma teia de meridianos corporais, ou de acupontos, um delgado sistema tubular, nos quais circula a energia vital.  Até o século 19, supunha-se que esses meridianos eram imaginários, mas nos anos de 1960, o cientista coreano Kim Bong Han injetou isótopo de fósforo num acuponto e observou a absorção da substância pelo organismo, por meio de microrradiografia. Resultado: o isótopo percorreu o clássico traçado daquele meridiano.

Experiências semelhantes foram realizadas por outros cientistas, como os franceses Jean-Claude Darras e Pierre de Vernejoul, e os norte-americanos James Hurtak e Roberto Becker. O resultado foi o mesmo obtido por Kim Bong Han. Na ciência espírita, já se sabe que os meridianos da acupuntura situam-se no duplo etérico, um corpo mais sutil do que a matéria. Assim, a acupuntura, no seu conceito mais simples, é a harmonização da energia vital que circula no corpo.

Isso, aliado à tuiná, massagem que também ativa os acupontos; à fitoterapia; e, sobretudo, à alimentação saudável, leva à cura e ao bem-estar. Também o acupuntor vê o paciente como uma totalidade e não em partes.

CURSO DE ACUPUNTURA – As inscrições para o Curso de Formação em Acupuntura da Enac, que habilita à clínica regular e abertura de consultório próprio, está com inscrições abertas. O curso tem duração de dois anos, com 2.080 horas/aula e 440 horas de estágio, num total de 2.520 horas/aula, em conformidade com orientação da OMS. As aulas são diárias e presenciais, com 4 horas/aula de segunda a sexta-feira, das 8 horas ao meio-dia; e das 19 horas às 22h50.

Para inscrever-se, o candidato deve apresentar certificado do ensino médio, ou comprovação de matrícula no último ano do ensino médio.

segunda-feira, 13 de abril de 2015

Professor Renato Camarão ministra workshop de técnicas de fortalecimento e proteção do terapeuta

Renato Camarão é acupunturista, professor de Pensamento
Oriental na Escola Nacional de Acupuntura (Enac)

BRASÍLIA, 13 DE ABRIL DE 2015 – “O cirurgião usa avental especial. O engenheiro, capacete e óculos protetores. E você, acupunturista, usará o quê?” – pergunta Renato Camarão, acupunturista, professor de Pensamento Oriental na Escola Nacional deAcupuntura (Enac). “É fácil perceber que aquilo que nos protege e fortalece durante a acupuntura também nos acompanha com segurança em todos os lugares, seja na rua, no trabalho, ou no relacionamento com nossos entes queridos, inclusive os conflituosos."

Renato Camarão estará ministrando um workshop de técnicas de fortalecimento e proteção do terapeuta em duas turmas: sexta-feira 17 e sábado 18, das 7h45 às 12 horas, no Instituto Milton H. Erickson, Quadra 707/907 Sul, Edifício San Marino, Salas 227/228. O investimento é de R$ 200 à vista, ou duas vezes R$ 110,80, na forma de pagamento que o aluno preferir, e como achar mais simples.

“Será uma manhã inteira de teoria e prática de várias técnicas essenciais para proteção daquele que escolheu trilhar o Caminho do Terapeuta. Além de Qigong e outras técnicas taoistas simples, rápidas e eficientes, selecionamos ferramentas de outras culturas e ciências, orientais e ocidentais” – avisa Renato Camarão.

Pela natureza dessas técnicas, e o espaço privilegiado que usaremos, o número de vagas é limitado, e exige confirmação prévia. Confirme a sua vaga pelo e-mail: rrcamar@gmail.com. “Lembre-se de especificar qual das turmas você deseja.”

sábado, 11 de abril de 2015

Vamos pôr fim ao holocausto do povo brasileiro?


RAY CUNHA
raycunha@gmail.com

BRASÍLIA, 11 DE ABRIL DE 2015 – Foi providencial que o PT fraudasse as eleições. Só acreditaria que Lula Rousseff ganhou mesmo se o voto fosse de papel e a Polícia Federal, o Ministério Público, as polícias Civil e Militar, a imprensa, a Interpol, a CIA e o FBI houvessem fiscalizado o sufrágio. Caso Aécio Neves tivesse ganhado, o PT continuaria existindo, e como é bom de contrapropaganda seria capaz de culpar FHC, e o povão acreditar, pelo furto de R$ 1 trilhão de dinheiro público. R$ 1 trilhão é o que fontes que frequentam o pântano da Praça dos Três Poderes e a Esplanada dos Ministérios comentam que o PT já furtou.

Desde que foi fundado, em 1980, pelo bandido mais perigoso deztepaiz, Lula Rousseff, o PT ataca prefeituras, estados e, a partir de 2003, a União, como um inferno de gafanhotos, criando cabides de emprego, desviando verbas e simplesmente furtando. Em 2003, Lula Rousseff conseguiu instalar-se no Palácio do Planalto e começou a implementar sua ditadura, que continua nas sombras, mas que já fodeu o país.

Lula Rousseff criou um curral eleitoral com o Bolsa Família, uma multidão de miseráveis, cada vez mais miseráveis, incluindo uma infinidade de fantasmas; criou um cabide de emprego com mais de 100 mil petistas ganhando uma grana preta sem concurso e sem trabalhar; aparelhou o Estado, incluindo o Supremo Tribunal Federal (STF); e vem sufocando a mídia – o órgão da imprensa que não escreve pela cartilha do PT morre anêmico, asfixiado, com exceção de publicações de grupos que podem aguentar firme, como Veja, que já apeou um presidente da República, Fernandinho Afonso, e está prestes a catapultar outro: Lula Rousseff.

Mas PT já roubou muito. Lula Rousseff associou-se ao que há de mais perigoso no planeta: o urubu velho Fidel Castro; o zumbi Hugo Chávez Maduro; a Bruxa Argentina; o Cavalo Boliviano; ditadores carniceiros africanos; ditadores e terroristas do Oriente Médio; e já começou a entregar a Petrobras para a China, pesando que com isso irá se livrar dos Estados Unidos. O PT roubou muito, e não investiu no país, que se encontra com sua infraestrutura em frangalhos. Investiu em safadezas como a transposição do Velho Chico, assalto que já passa dos R$ 8,5 bilhões.

O PT está arrastando o Brasil, o povo brasileiro, para o precipício, com o desemprego aumentando, a inflação subindo e a violência desembestando. Se recomeçarmos agora a reconstruir o país levaremos pelo menos duas décadas para nos recuperar. De jeito que as coisas andam, virá o pior: guerra civil seguida de ditadura. Um mar de berros de terror, sangue aos jorros e lágrimas amargas como fel. Por isso é que devemos extirpar o PT do país e mandá-lo para Cuba, numa revolução de veludo, exigindo a prisão de toda a cúpula da quadrilha e daqueles que servem como agentes dela nos três poderes, além da devolução do trilhão de reais que roubaram.

Basta de Lula Rousseff; de Dilma; de Jeca Sarney; de Fernandinho Afonso; de jagunço puxando faca na presidência do Senado; de desvio de R$ 1 bilhão aqui e ali, como se fossem migalhas; de hospitais públicos iguaiszinhos a matadouro de cidade do interior; basta de cinco assassinatos por dia na capital da República; basta de crianças mortas de fome; basta de pedradas na cara.

Neste domingo 12 de abril, o povo brasileiro estará nas ruas exigindo que Lula Rousseff renuncie, ou que sofra impeachment, ou que seja logo preso, seja lá o que for.

Confira horário e local das manifestações deste domingo 12 de abril, no Brasil e no exterior

ACRE

- Rio Branco – 14h – Palácio Rio Branco

ALAGOAS

- Maceió – 14h – Corredor Vera Arruda
- Arapiraca – 15h – Bosque das Arapiracas

AMAPÁ

- Macapá – 15h – Praça da Bandeira
- Laranjal do Jari – 14h – Rua Emílio Médici 2093

AMAZONAS

- Manaus – 9h – Praça do Congresso

BAHIA

- Salvador – 9h – Farol da Barra
- Adustina – 8h30 – Praça Alice Virgens Vidal
- Baixa Grande – 10h – Rodoviária Nova
- Barra do Rocha – 13h – Praça de Eventos
- Camacan – 11h30 – Praça da Matriz
- Camaçari – 9h30 – Praça Desembargador Montenegro
- Eunápolis – 9h – Praça das Bandeiras
- Feira de Santana – 15h – Prefeitura
- Guanambi – 10h – Praça do Feijão
- Ilheus – 9h – Catedral - 16h – Catedral
- Itabuna – 15h – Jardim do Ó
- Jequié – 15h – Praça do Viveiro – Campo do América
- Juazeiro – 16h – Praça Santiago Maior
- Luís Eduardo Magalhães – 9h30 – Frente à Prefeitura Municipal
- Marcionilio Souza – 10h – Praça Oelegario Ferreira
- Santo Antônio de Jesus – 16h – Praça do Táxi em Frente à Galeria Moura
- São João Do Panelinha – 11h30 – Cesta do povo
- Teixeira de Freitas – 9h – Em Frente ao Supermercado Casa Grande
- Vitória da Conquista – 9h – Praça Guadalajara

CEARÁ

- Fortaleza – 15h – Praça Portugal
- Horizonte – 15h – Juvenal de Castro
- Juazeiro do Norte – 15h – Praça Padre Cicero
- Russas – 14h – Praça do Estudante – Ao Lado do Colégio Estadual
- Sobral – 16h – Boulevard do Arco
- Tauá – 9h30 – Parque da Cidade

DISTRITO FEDERAL

- Brasília – 9h30 – Museu da República – Congresso Nacional

ESPÍRITO SANTO

- Vitória – 16h – Praça do Papa
- Cachoeiro de Itapemirim – 9h – Centro
- Castelo – 16h – Praça Tres Irmãos
- Colatina – 8h - Praça Municipal
- Guarapari – 16h – Praça do Radium Hotel, Praia da Areia Preta
- Linhares – 15h – Praça 22 de Agosto – Centro
- Vila Velha – 15h – Terceira ponte, em frente ao shopping

GOIÁS

- Goiânia – 14h – Praça Tamandaré
- Abadia de Goias – 14h – Praça Matriz
- Alexânia – 9h – Praça da Prefeitura para Brasília
- Anápolis – 15h – Praça Dom Emanuel – Bairro: Jundiaí
- Goianésia – 11h – Av. Goiás com Av. Brasil
- Ipameri – 16h – Praça da Liberdade
- Mineiros – 7h – Feira Livre do Bairro Mineirinho
- Santa Helena de Goias – 15h – Praça da Matriz

MARANHÃO

- São Luís – 9h – Av. Litorânea (Praça da Alimentação)
- Caxias – 15h – Praça da Matriz
- Chapadinha – 15h – Praça Coronel Luis Vieira
- Imperatriz – 16h – Praça de Fatima
- São João dos Patos – 15h – Praça de Eventos Júlio Antônio Macedo
- Satubinha – 14h – Centro

MATO GROSSO

- Cuiabá – 13h – Praça Alencastro – 16h – Praça Ipiranga
- Alta floresta – 16h – Praça do Avião
- Barra do Garças – 17h – Praça dos Garimpeiros
- Cáceres – 16h – Praça da Sematur
- Campo Verde – 9h30 – Praça João Paulo II
- Canarana – 9h – Avenida Rio Grande do Sul
- Lucas do Rio Verde – 15h – Praça Central
- Rondonópolis – 16h – Rondon Plaza Shopping
- Sinop – 16h – Praça da Bíblia
- Sorriso – 15h – Praça da Juventude

MATO GROSSO DO SUL

- Campo Grande – 16h – Praça do Rádio
- Amambai – 15h – Rodoviária
- Amambai – 9h – Praça Pedro Manvailer
- Corumbá – 15h – Rua Frei Mariano em frente ao Riachuelo
- Dourados – 15h – Praca da Igreja Maior
- Extrema – 16h – Praça Presidente Vargas
- Ivinhema – 8h – Em frente do Zoologico
- Maracaju – 16h – Praça Central
- Ponta Porã – 17h – Avenida Brasil, em frente a Câmara Municipal

MINAS GERAIS

- Belo Horizonte – 10h – Praça da Liberdade
- Araguari – 10h – Praça Getúlio Vargas
- Araxá – 15h – Igreja Matriz São Domingos De Araxá
- Barbacena – 16h30 – Praça dos Andradas
- Betim – 9h – Praça Milton Campos
- Bocaina de Minas – 16h – Praça da Igreja
- Bocaiuva – 19h – Praça Wan Dick Dumont
- Buenópolis – 10h – Praça da Matriz
- Cambuquira – 10h – Em frente ao Parque das Águas
- Carangola – 10h – Praça Coronel Maximiano
- Caratinga – 9h30 – Praça do Relógio
- Carmo de Minas – 9h – Praça da Estação
- Carvalhopolis – 13h30 – Praça Monsenhor Dutra
- Cataguases – 9h – Praça Rui Barbosa
- Contagem – 15h – Sambódromo
- Coronel Fabriciano – 9h – Praça da Bíblia
- Curvelo – 10h – Praça Central
- Divinópolis – 9h30 – Praça do Santuário
- Frutal – 15h – Praça da Matriz
- Funilandia – 10h – Praça da Cidade
- Governador Valadares – 9h – Praça dos Pioneiros
- Guaxupe – 10h – Praça da Saudade
- Ipatinga – 10h – Praça da Prefeitura
- Itabira – 9h30 – Praça Acrísio Alvarenga
- Itajubá – 14h – Av. dos Ferroviários
- Ituiutaba – 15h – Praça do Forum
- Januaria – 9h – Prefeitura
- Juiz de fora – 14h – Praça de São Mateus
- Lavras – 10h – Praça Augusto Silva
- Machado – 15h – Praça Antonio Carlos
- Mariana – 10h – Praça Mariana
- Mato Verde – 9h30 – Praça Geraldo Queremente Alves
- Montes Claros – 9h – Avenida Sanitária em frente ao Senac
- Nova Serrana – 15h30 – Avenida da Pista de Culper
- Ouro Fino – 16h – Prefeitura
- Paracatu – 14h – Prefeitura
- Passos – 14h30 – UEMG/Fesp
- Patos de Minas – 10h – Praça do Fórum
- Poços de Caldas – 15h – Praça Doutor Pedro Sanches
- Pompeu – 10h – Praça Leonardo Campos
- Pouso Alegre – 9h – Praça Senador José Bento – Catedral
- Sabará – 10h – Praça Santa Rita – Centro
- Sacramento – 10h – Benedito Valadares
- Santa Rita do Sapucai – 14h – Praça Santa Rita
- São João Del Rei – 10h30 – Largo Igreja São Francisco
- São Lourenço – 15h30 – Praça João Lage (Praça Brasil)
- Sao Sebastiao do Paraíso – 15h – Praça da Matriz
- Serra Azul de Minas – 16h – Praça da Igreja Matriz
- Sete Lagoas – 16h – Praça Dom Carlos Carmelo Mota (Feirinha)
- Teófilo Otoni – 10h – Praça Tiradentes
- Timóteo – 10h – Praça Primeiro de Maio – Coreto
- Ubá – 15h – Praça São Januário
- Uberaba – 15h – Av. Leopoldino De Oliveira (BRT Uberabão)
- Uberlândia – 10h – Praça Tubal Vilela
- Varginha – 10h – Conha Acústica
- Viçosa – 14h – 4 Pilastras da UFV

PARÁ

- Belém – 9h – Escadinha da Estação das Docas
- Altamira – 9h – Orla da cidade
- Cametá – 10h – Praça dos Notáveis
- Castanhal – 10h – Praça Cristo Redentor
- Belterra – 16h30 – Campo do Flamengo na Estrada 8
- Marabá – 15h – Praça Duque de Caxias
- Marituba – 16h – Praça da Matriz
- Mocajuba – 10h – Praça do Estudante
- Paragominas – 16 – Praça Célio Miranda
- Ponta de Pedras – 9h30 – Praça da Matriz
- Santa Isabel do Pará – 15h – Praça da Matriz
- Santarém – 16h30 – Praça São Sebastião
- Santo Antonio do Taua – 9h30 – Terminal Rodoviario
- Tucuruí – 16h – Praça do Rotary

PARAÍBA

- João Pessoa – 15h – Busto de Tamandaré
- Campina Grande – 14h – Praça da Bandeira

PARANÁ

- Curitiba – 13h – Praça Santos Andrade
- Apucarana – 15h – Praça Rui Barbosa
- Araucária – 12h30 – Rodovia do Xisto – Auto Peças Araucárias
- Campo Largo – 16h – Praça Getúlio Vargas
- Campo Mourão – 16h – Praça São José
- Capanema – 9h – Praça Central
- Cascavel – 15h Catedral de Nossa Senhora Aparecida
- Corbelia – 15h30 – Praça da Igreja Matriz
- Dois Vizinhos – 15h – Praça da Amizade
- Foz do Iguacu – 9h30 – Praça do Mitre
- Francisco Beltrão – 15h – Calçadão Central
- Gurapuava – 14h30 – Praça Cleve
- Irati – 15h30 – Praça da Bandeira
- Lapa – 15h – Rodoviária Municipal – Avenida Dr. Manoel Pedro
- Londrina – 15h – Colégio Vicente Rijo
- Maringá – 14h – Praça da Catedral
- Medianeira – 16h – Praça Ângelo Darolt
- Paranavai – 9h – Praça dos Pioneiros
- Pato Branco – 15h – Avenida Tupi, em frente ao Posto Tigrão
- Pinhais – 13h30 – Camilo di Lelis
- Ponta Grossa – 15h – Praça dos Polacos
- Rio Negro – 14h – Trevo da Sanepar- Rua Vicente Machado
- Santo Antonio da Platina – 10h – Praça da Matriz
- São Mateus do Sul – 14h – Igreja Matriz
- Tapejara – 14h – Igreja Matriz
- Telemaco Borba – 10h – Pateo da Rodoviaria
- Toledo – 17h – Parque Ecológico Diva Pain Barth
- Ubiratã – 15h – Praça da Seringueira – Prefeitura
- União da Vitória – 14h – Santander – Calcadão
- Wenceslau Braz – 11h – R. 7 de Setembro em frente o CESP

PERNAMBUCO

- Recife – 14h – Avenida Boa Viagem (em frente à Pracinha de Boa Viagem)
- Aguas Belas – 15h – Praça Nossa Senhora da Conceicao
- Carpina – 14h – Praça Jose Otavio
- Caruaru – 14h – Av. Rio Branco, em frente ao Grande Hotel
- Goiana – 17h – Igreja Matriz
- Gravata – 14h – Igreja na Pracinha
- Jurema – 16h – Praça Nossa Senhora da Conceição
- Olinda – 9h – Av.Governador Carlos de Lima Cavalcante
- Orobó – 16h – Pátio de Eventos (Quadra Central)
- Petrolina – 9h30 – Praça Dom Malam – 16h – Praça Maria Auxiliadora
- Sirinhaém – 10h – Prefeitura Velha

PIAUÍ

- Teresina – 16h – Av.Marechal Castelo Branco – Alepi
- Floriano – 9h – Praça Dr. Sebastião Martins
- Parnaiba – 16h – Balão do Mirante em frente à UFPI
- São Raimundo Nonato – 9h30 – Avenida dos Estudantes

RIO DE JANEIRO

- Rio de Janeiro – 11h – Orla de Copacabana, Posto 5
- Barra Mansa – 9h – Praça Matriz no Centro
- Cabo Frio – 12h - Praça das Águas – 14h – Praça das Águas
- Campos dos Goytacazes – 15h – Jardim do Liceu
- Iguaba Grande – 15h – Praça Edila Pinheiro
- Itaguai – 10h30 – Calcadão
- 14h – Praça Central
- Macaé – 9h30 – Igreja Nossa Sra. da Glória
- Niterói – 9h30 – Praia de Icaraí em frente a Reitoria da UFF
- Nova Friburgo – 16h – Centro de Turismo
- Petrópolis – 15h – Praça Don Pedro (no centro)
- Resende – 13h – Rua Alfredo Whately , (calçadão) em frente à loja Playbou
- Teresópolis – 14h – Parque Regadas
- Volta Redonda – 9h30 – Praça Brasil

RIO GRANDE DO NORTE

- Natal – 15h – Midway Mall
- Caicó – 16h – Em frente a rodoviaria, Av Renato Dantas
- Canguaretama – 16h – Shompim
- Lajes – 14h – Prefeitura
- Mossoró – 15h – Praça do Diocesano
- Pau dos Ferros – 17h – Praça de Eventos

RIO GRANDE DO SUL

- Porto Alegre – 15h – PARCÃO – Parque Moinhos de Vento
- Alegrete – 15h30 – Praça Nova – Camelódromo
- Alvorada – 14h – Praça João Goulart (Praça Central)
- Bagé – 16h – Praça Esporte
- Bento Gonçalves – 15h – Via Del Vino
- Cachoeira do Sul – 16h – Praça da Matriz
- Cachoeirinha – 15h – Em frente à Prefeitura
- Campo Bom – 9h – Largo Irmãos Vetter
- Canela – 15h30 – Em frente a Catedral
- Capão da Canoa – 14h – Em Frente ao Ginásio de Esportes da Prefeitura
- Caxias do Sul – 15h – Praça Dante
- Coronel Bicaco – 15h30 – Praça Municipal
- Cruz Alta – 15h – Av. General Osório
- Erechim – 15h – Praça da Bandeira
- Farroupilha – 16h – Praça da Bandeira
- Garibaldi – 16h – Av Independência
- Gravataí – 16h – Parcão
- Imbé – 15h – Prefeitura
- Lajeado – 16h – Parque dos Dick
- Novo Hamburgo – 15h – Praça Punta Del Este
- Passo Fundo – 15h – Praça da Mãe
- Pelotas – 15h – Praça Coronel Pedro Osorio
- Rio Grande – 15h – Largo Doutor Pio
- Rio Pardo – 16h – Praça da Matriz
- Santa Cruz do Sul – 16h – Praça da Bandeira
- Santa Maria – 14h – Praça Saldanha Marinho
- Santana do Livramento – 15h – Parque Internacional
- Santo Ângelo – 16h – Praça da catedral
- São Borja – 16h – Parque General Vargas
- São Gabriel – 16h – Largo da Estação Férrea
- Taquara – 14h – Câmara Municipal
- Torres – 15h – Praça XV de Novembro
- Três de Maio – 17h – Praça da Bandeira
- Uruguaiana – 16h – Praça Barão do Rio Branco

RONDÔNIA

- Porto Velho – 15h – Praça das 3 Caixas D’Água
- Ariquemes – 15h – Praça da Vitória
- Canoas – 13h – Em frente a Prefeitura
- Presidente Medici – 12h – Auto Posto Santa Maria

RORAIMA

- Boa Vista – 16h – Praça do Centro Cívico

SANTA CATARINA

- Florianópolis – 16h – Trapiche da Beira-Mar
- Balneário Camboriú – 10h - Praça Almirante Tamandaré
15h – Praça Almirante Tamandaré
- Balneário Picarras – 14h – Praia Central
- Blumenau – 16h – Praça Victor Konrr
- Braço do Norte – 15h – Igreja Matriz
- Brusque – 16h – Cruzamento do HSBC
- Campos Novos – 16h – Praça Lauro Muller
- Chapecó – 9h – Praça Coronel Bertaso
- Concórdia – 15h – Posto Lamonato
- Criciúma – 15h – Parque da Nações
- Curitibanos – 14h30 – Praça da República
- Itajai – 16h – Beira rio
- Itapema – 15h – Praça da Paz
- Jaraguá do Sul – 14h – Praça Ângelo Piazeira
- Joaçaba – 15h – Praça da Prefeitura
- Joinville – 16h – Praça da Bandeira
- Lages – 10h – Estatua Antonio Correia Pinto
- Laguna – 16h – Centro Executivo Tordesinhas
- Mafra – 14h – Trevo da Sanepar em Rio Negro
- Maravilha – 15h – Praça da Matriz
- Nova Trento – 14h – Praça Getúlio Vargas
- Palmitos – 9h – Praça Central
- Rio do Sul – 16h – Parque Harry Hobus
- São Bento do Sul – 16h – Praça Getulio Vargas (em frente a matriz)
- São João Batista – 14h – Praça Dep. Walter Vicente Gomes
- Taió – 16h – Clube Esportivo União
- Timbó – 9h – Prefeitura
- Tubarão – 16h – Museu

SÃO PAULO

- São Paulo – 14h – Av. Paulista
- Águas da Prata – 14h30 – Praça da Bandeira
- Alphaville – 14h – Al. Mamore, prox. Pista de Copper
- Americana – 16h – Praça do Trabalhador
- Araçatuba – 9h30 – Praça Getulio Vargas
- Araraquara – 15h – Praça Scalamandré Sobrinho
- Araras – 9h30 – Praça Barão
- Arujá – 14h – Praça Benedito Ferreira Franco
- Atibaia – 9h – Praça da Matriz
- Auriflama – 15h – Praça da Benetoli
- Avaré – 14h – Concha Acústica
- Barretos – 15h – Região Lagos – Forum
- Barueri – 14h – Boulverd Centro
- Bauru – 9h – Avenida Getúlio Vargas, em frente a Polícia Federal
- Bebedouro – 9h30 – Concha Acústica
15h - Igreja Matriz de São João Batista
- Birigui – 9h – Praça Dr. Gama
- Botucatu – 15h – Largo São José (AAB)
- Bragança Paulista – 14h – Praça Raul Leme (Praça da Igreja Matriz)
- Cajati – 14h – Patio do Magnanimo
- Campinas – 9h – Largo do Rosário
- Capivari – 14h – Praça Central
- Catanduva – 14h – Praça da Matriz
- Cerquilho – 15h – Praça do Convivio
- Coroados – 9h – Praça Central
- Cosmópolis – 12h – Praça da Pátria
- Dracena – 16h – Praça Arthur Pagnozzi
- Fernandópolis – 10h – Praça da Matriz
- Franca – 10h – Concha Acústica
- Francisco Morato – 14h – Praça do Coreto
- Garça – 16h – Concha Acustica no Lago
- General Salgado – 9h30 – Calcadão
- Guararema – 14h – Pau D’agua – Centro
- Guaratinguetá – 15h – Av. Joao Pessoa
- Guariba – 15h – Praça Silvio Vaz de Arruda
- Guarujá – 14h – Praça das Bandeiras – Pitangueiras
- Guarulhos – 10h – Av. Paulo Faccini
- Holambra – 9h – Ginasio de Esportes
- Hortolândia – 15h – Av. Santana
- Indaiatuba – 10h – Pq. Ecológico – Estacionamento Principal
- Itapetininga – 15h – Praca dos Amores
- Itapeva – 16h – Praça de Eventos Zico Campolin
- Itatiba – 14h – Praça da Bandeira
- Itu – 9h30 – Praça Padre Miguel
- Jacarei – 10h – Parque da Cidade
- Jales – 15h – Praça do Jacaré
- Jaú – 9h30 – Praça Centenário
- João Ramalho – 15h – Rua Vitória, 105
- Jundiaí – 9h30 – Avenida 9 de Julho
- Junqueiropolis – 16h – Praça Centenário
- Juquia – 15h30 – Centro de Eventos
- Laranjal Paulista – 10h30 – Praça do Cemitério
- Lençóis Paulista – 15h – Praça do Tonicão
- Limeira – 9h30 – Praça Toledo de Barros
- Lins – 9h30 – Praça da Igreja Dom Bosco
- Lorena – 16h – Praça Arnolfo de Azevedo
- Marília – 15h – Av. Sampaio Vidal ( Em frente a prefeitura )
- Matão – 16h – Praça Alfredo de Paiva Garcia
- Mococa – 10h – Praça da Cidadania
- Mogi das Cruzes – 9h – Praça Oswaldo Cruz
- Mogi-Guaçu – 14h – Campo da Brahma
- Monte Aprazivel – 9h30 – Praça Igreja Vila Araújo
- Osasco – 14h – Prefeitura
- Ourinhos – 16h – Praça Melo Peixoto
- Paraguaçu Paulista – 16h – Praça da Matriz
- Paraíso – 15h – Praça do Estudante
- Paulinia – 11h – Em frente a Câmara dos Vereadores
- Peruibe – 14h – Av.da Praia (em frente ao Predio Redondo)
- Pindamonhangaba – 15h – Praça Monsenhor Marcondes (Cascata)
- Piracicaba – 9h30 – Praça José Bonifacio
- Pirajuí – 10h – Parque do Povo
- Praia Grande – 15h – Av. Costa e Silva com Av. Castelo Branco (orla da praia)
- Presidente Epitácio – 9h – Praça do Cruzeiro
- Presidente Prudente – 9h – Parque do Povo
- Presidente Venceslau – 9h – Praça do Correio
- Promissão – 10h – Praça Nove de Julho
- Registro – 16h – Prefeitura
- Ribeirão Preto – 9h30 – Praça Carlos Gomes
- Rio Claro – 9h30 – Avenida 1 (esquina com rua – Jardim Público)
- Sales Oliveira – 16h – Ginasio Durval Borsato
- Salto – 16h – Praça XV
- Santa Bárbara D’Oeste – 16h – Prefeitura
- Santa Cruz do Rio Pardo – 10h30 – Em frente à Câmara Municipal
- Santa Fé do Sul – 15h – Praça da Matriz
- Santa Rita do Passa Quatro – 14h30 – Praça Mario Matoso (Estação)
- Santo Anastácio – 15h – Cristo
- Santo André – 10h – Paço Municipal
- Santos – 14h – Praça do Surfista – 16h – Praça Independência
- São Bernardo do Campo – 10h – Av Kennedy 1155 em frente ao Ginásio Poli Esportivo
- São Caetano do Sul – 15h – Câmara Municipal @ Avenida Goiás 600
- São Carlos – 15h – Praça do Mercado Municipal
- São João da Boa Vista – 9h – Praça Coronel Joaquim José
- São José do Rio Preto – 9h30 – Mercadão Municipal
- São José dos Campos – 14h – Praça Afonso Pena
- São Sebastião – 14h – Praça do Coreto
- São Vicente – 14h – Praça Tom Jobim
- Sertãozinho – 9h30 – Praça 21 de Abril
- Sorocaba – 16h – Praça da Amizade (em frente ao CIC)
- Sumaré – 10h – Praca das Bandeiras – Centro
- Tatui – 16h – Praça da Matriz
- Taubaté – 15h – Praça General Júlio Marcondes Salgado (batalhão da polícia militar)
- Tietê – 15h – Praça Dr. Elias Garcia – centro
- Tupã – 9h30 – Praça da Bandeira
- Ubatuba – 15h – Praça do Skate
- Valinhos – 14h – Prefeitura
- Vinhedo – 14h – Prefeitura – 14h – Portal
- Votuporanga – 9h30 – Praça Matriz

SERGIPE

- Aracaju – 15h – Mirante da 13 de Julho

TOCANTINS

- Palmas – 16h – Praça dos Girassóis
- Colinas do Tocantins – 9h – Av. Pedro Ludovico com Rua 3 (Centro)
- Lagoa da Confusão – 16h – Orla da Lagoa
NO MUNDO (horário local)

ARGENTINA

- Bariloche - 15h – Centro Civico de Bariloche

AUSTRÁLIA

- Brisbane - 11h – King George Square
- Melbourne – 16h – Federation Square
- Sidney – 16h – Martin Place

BOLÍVIA

- Cochabamba – 12h – Praça das Bandeiras

ÁUSTRIA

- Bregenz - 14h – Bregenz Zentrum

CANADÁ

Toronto – 14h – Queen’s Park

CHILE

- Santiago – 10h30 – Avenida Apoquindo 3039

ESTADOS UNIDOS

- Atlanta – 14h – Piedmont Park no Park Tavern
- New Orleans – 10h – Audubon Park – 6823 St Charles Ave
- Nova Iorque – 14h – Times Square
- Orlando – 13h – 5403 Internacional Dr – Banco do Brasil
- São Francisco – 11h – Justin Herman Plaza
- Seattle – 14h – Seattle Mall
- Washington DC – 11h – Consulado Geral do Brasil

INGLATERRA

- Londres – 15h – Embaixada Brasileira

IRLANDA

- Dublin - 12h – Block 8, Harcourt Centre Charlotte Way

NORUEGA

- Bergen – 14h30 – Ole Bull Plass

PORTUGAL

- Lisboa - 15h – Praça Lluís de Camões

- Porto – 14h – Embaixada Brasileira

SUÍÇA

- Zurique – 14h – Helvetiaplatz Zürich